quarta-feira, 2 de agosto de 2017

Ruas Floridas de Redondo





Ruas Floridas de Redondo


Borbulha da Beleza quanto gomo!
Rebentos frescos de Primavera em papel de seda!
Entre tanto assomo qual escolho?

Ruas Floridas da vila de Redondo,
dia de Verão quente, Alentejo; do que em mim recolho
como escolho seu melhor assomo?

Assomam de mãos sem cara, gomos
como poemas de mil Poetas sem facebook nem nome
em fino papel de seda, como escolho?

Ali bem à beira,
no rio fresco em dádiva que pura corre,
corre que seiva!...


José Rodrigues Dias, 2017-08-02

Sem comentários:

Enviar um comentário